Como fazer seu Planejamento Estratégico Pessoal (PEP) – Parte 3

Como fazer seu Planejamento Estratégico Pessoal (PEP) – Parte 3

Oi pessoas! Estou aqui para a terceira (e última) parte da série de postagens sobre Planejamento Estratégico Pessoal (PEP).

Clique aqui para acessar o segundo post da série PEP.

Entendemos a importância de reconhecer nossos objetivos, identificamos nossos pontos fortes e fracos e descobrimos como eles são capazes de influenciar positiva ou negativamente no resultado final da busca pelo que você deseja alcançar. Tendo isso em mente, podemos seguir para a parte do PEP que dará embasamento para a forma com a qual você atingirá seu(s) objetivo(s): desenvolveremos um Plano de Ação.

O plano de ação

Uma vez que se tem um objetivo, um sonho ou uma aspiração – não importa qual o nome que você queira dar a ele -, você vai querer realizá-lo. Para isso, você precisa saber como fazer com que isso aconteça. O Plano de Ação é um projeto onde estão colocadas todas as informações sobre o objetivo desejado, desde as atividades para concretizá-lo até os recursos necessários (físicos, monetários e humanos).

Importância de um Plano de Ação

O plano de ação é a base do planejamento estratégico, porque ajuda a identificar, corrigir e até mesmo prevenir problemas. Permite que executor – ou seja, a pessoa que está desenvolvendo o PEP – siga uma sequência de tarefas mais claras e lógicas anteriormente definidas. Isso faz com que os objetivos se concretizem de forma mais rápida e prática. Além disso, faz com que as decisões sejam tomadas antes mesmo de serem colocadas em prática, o que garante melhores índices de acerto.

Por separar as etapas de elaboração da execução da atividade, o Plano de Ação assegura um estudo mais detalhado de cada atividade que precisará ser desenvolvida para atingir o objetivo. Considera questões internas (pontos fortes e fracos) e externas (oportunidades e ameaças) ao indivíduo para montar estratégias adequadas a serem desempenhadas em um determinado período de tempo, por isso ele é considerado tão efetivo.

O Plano de Ação é mais comumente utilizado para soluções de curto prazo. Entretanto, nada impede que seja utilizado para metas de médio e longo prazo – apenas vai exigir um maior controle na execução das tarefas, para que você não perca o foco.

Sua elaboração exige uma boa coleta e análise de dados, de forma a projetar o futuro levando em conta fatores básicos que devem ser respeitados por quem o executará. Essa coleta pode ser realizada através uma autoanálise de suas capacidades pessoais. (Se o seu objetivo contemplar questões profissionais como, por exemplo, uma promoção, leve em conta suas atitudes no campo profissional.)

Outra boa opção é ter uma conversa franca com outras pessoas, para saber quais são as percepções delas sobre você. Só tome cuidado para que sejam pessoas que você possa confiar que serão honestas em suas respostas, independentemente de serem próximas a você ou não. Quanto maior a sua “rede de contatos”, melhor, pois você se depara com diferentes opiniões e visões para uma mesma situação, o que contribui bastante para o seu desenvolvimento pessoal.

Etapas do Plano de Ação

Assim como as demais etapas do PEP, o Plano de Ação deve ser elaborado, desenvolvido e encerrado. Segue as seguintes etapas: início, planejamento, execução, monitoramento e encerramento.

1. Início. Deve-se ter um bom conhecimento sobre o Plano de Ação, para, dessa forma, organizar o projeto com mais eficiência, identificar problemas que possam atrapalhar o andamento das atividades e definir adequadamente os prazos e custos para executar as ações que levem à concretização dos objetivos.

2. Planejamento. A base do Plano de Ação, onde são definidas as principais atividades e recursos necessários. Também é necessário elaborar planos de ação secundários para atividades “menores”.

3. Execução. Onde as ações planejadas são colocadas em prática. Para cada uma delas, devem ser atribuídos os recursos previamente estabelecidos. Além disso, deve-se constantemente analisar cada atividade, pois é nessa fase que aparecem os erros e desvios.

4. Monitoramento. Desenvolver estratégias para acompanhar a evolução geral do seu Plano de Ação e definir períodos de tempo para realizar essa análise. Quando surgir um problema, você deve listá-lo, identificar sua causa e atribuir a solução adequada. Se necessário, adapte o seu plano.

5. Encerramento. Rever o Plano de Ação e transferir as informações para um documento que permita que você realize o acompanhamento de cada atividade. Essa fase é importante para implementar eficazmente o seu planejamento.

Desenvolvendo o seu Plano de Ação

Para desenvolver um Plano de Ação bem feito, que detalhe as atividades do início até o alcance do objetivo, deve-se considerar as seguintes variáveis:

  • O que deve ser feito? Descreva todas as etapas necessárias para atingir o objetivo.
  • Por que será feito? Justifique a necessidade de alcançar o objetivo. (E aqui não vale respostas do tipo “porque eu quero”, ok? Crie uma resposta – ou uma razão – convincente.)
  • Onde será feito? Determine onde serão executadas as tarefas.
  • Quando será feito? Determine um período de finalização para todas as atividades, de modo que tudo aconteça no prazo estipulado para atingir o objetivo.
  • Por quem será feito? Caso seja necessário, delegue algumas atividades.
  • Como será feito? Defina os métodos que serão necessários para execução de cada etapa proposta no plano de ação.
  • Quanto custará fazer? Determine o valor do investimento das etapas do plano, se existirem.

 

É isso, gente, chegamos ao final da nossa série sobre Planejamento Estratégico Pessoal. Espero que tenham gostado e aprendido um pouquinho. 🙂 Quem estiver desenvolvendo (ou ainda irá desenvolver) seu PEP, me conte como está indo e o que está achando!

 

Imagem: 1

  • Adorei o post, é super importante sabermos nos planejar em TUDO! ❤

    Blog Menina, surtei!
    http://www.MeninaSurtei.com

    Espero a sua visita no meu cantinho. Beijão!

    Camila respondeu:

    Muito obrigada, Karla!
    Vou já dar uma olhadinha no seu blog <3

  • Oi Camila, tudo bem?
    Que post mais incrível, amei <3
    Cheio de dicas legais e eu estava mesmo precisando ler algo sobre isso!
    Adorei mesmo e vou tentar colocar em prática, que é o mais difícil né. hehe
    Ótimo tema, ótimo post, parabéns! =D

    Amore, tem post novo lá no blog, te convido a vir conferir! =)

    Beijos
    Amanda Z.
    http://www.diariodelooks.com

    Camila respondeu:

    Olá Amanda, tudo ótimo, e com você?
    Colocar em prática é a parte que exige mais esforço, mas com certeza você consegue! Pensa positivo hahah
    Muito obrigada! Vou já visitar seu blog, com certeza!
    Beijos

  • Amei o post!
    Tudo isso é super importante!

    Beijão.
    Borboletas do Campo

    Camila respondeu:

    Muito obrigada, Eduarda!
    Beijos! :*

  • Essa série ficou simplesmente incrível, Mi! Tão clarificante, fundamental e com portas que impulsionam aberturas para demais ideias. Estou aqui lendo passo por passo e ficando encantada. Lembrei de diversos quesitos das minhas aulas de empreendedorismo (que já finalizaram) que não estava colocando em prática. Que refrescante! Começamos falando sobre análise SWOT e diversos desses aspectos. Fizemos um plano de negócios em um programa bem bacana (que agora não lembro bem o nome), mas essa série de postagens dá visões maiores para que possamos escolher entre caçar ou não um programa e, ainda assim, ter a nossa organização necessária. Adorei! Ficarei vibrando caso vocês disponibilizem as etapas em conjunto, mas já está tudo tão bem elaborado (como sempre é por aqui), detalhado e feito com nítido carinho, então cada conteúdo emitido já vale como ‘material bonitinho’. A beleza dessas cargas recheadas e do quanto elas podem acrescer ideologias e atos é sensacional! Um super beijo!

    http://www.semquases.com

    Camila respondeu:

    Ai, que comentário mais lindo, Vanessa, super me emocionei aqui! Confesso que essa série de postagens deu um tremendo trabalho para ser feita, apesar de ser a minha área. Queria que ficasse bonitinho e simples pra que todo mundo pudesse entender e colocar entre prática, principalmente. Saber que todo o trabalho valeu a pena é muito gratificante!
    Falamos sobre a análise SWOT todo dia na faculdade, não tinha como ficar de fora do Moderando haha. Outra confissão, relembrei muito detalhe sobre minhas aulas de empreendedorismo, que fiz lá no início da faculdade. Achei muito legal voltar a ver certos conceitos!
    Estamos trabalhando para disponibilizar os conteúdos juntos, então esperamos que logo logo possamos compartilhar com vocês!

    Mais uma vez muito obrigada pelos elogios. E saiba que a admiração é recíproca, adoro muito o ‘Sem Quases’. É perfeito e uma das minhas maiores fontes de inspiração <3

  • Eu comecei a ler sua série (AMEI!), mas não tenho acompanhado e comentado porque eu quero ler e fazer tudo com calma (você é super detalhista e didática e eu te amo). Então, por enquanto só queria agradecer, porque era de um plano mesmo (e de como executá-lo) que eu tô precisando demais agora. Muito obrigada!

    Camila respondeu:

    “você é super detalhista e didática e eu te amo” eu estou rindo tanto disso, você não tem noção hahahaha.

    Eu que agradeço por isso ter lido a série, Nicas! Fico muito feliz que foi útil para você!
    Coloque em prática e venha me contar o resultado aqui, ficaria muito feliz em ver.

  • Adorei a série de possts e o blog, tem tudo pra ser um grrande portal! 🙂

    http://delamila.com/diy-caneca-de-unicornio/

    Camila respondeu:

    Muito obrigada, Camila. O incentivo é sempre muito importante 🙂

  • Amei suas dicas, amo me planejar! <3

    http://www.kailagarcia.com

    Camila respondeu:

    Obrigada pelo carinho, Kaila! <3

  • O conteúdo do seu blog é simplesmente super recomendável a qualquer público que precise se melhorar como pessoa e profissional estrategicamente planejado. Adorei conhecer o Moderando, e estarei sempre por aqui.

    Abraços, http://www.escritoraentre4paredes.com.br

    Camila respondeu:

    Muito obrigada, Bruna! Esperamos ver você aqui mais vezes sim *-*
    Abraços

  • Peraí que vou ver agora o primeiro e segundo post desse planejamento que eu já gostei mesmo chegando “atrasada” aqui. É bom ter um planejamento pra qualquer coisa, tudo bem que as vezes o espontâneo da certo né? Mas é raro isso acontecer. As vezes eu arrisco em deixar acontecer, mas a maioria das vezes eu planejo mesmo. Toda vez antes de dormir, a gente planeja o que vai fazer no dia seguinte né? É quase igual para tudo o que a gente faz, seja blog, trabalho ou estudos. Enfim, agora vou acompanhar os outros.

    Beijos!

    Camila respondeu:

    Acompanhe todos, sem problemas! Que bom que você gostou <3
    Verdade, às vezes as coisas dão certo de forma espontânea ( algumas vezes até acaba sendo bom), mas é bom ter um planejamento, uma direção a seguir. Na minha opinião sempre ajuda e torna as coisas mais fáceis.
    Beijos!

  • Eu tenho tantos sonhos, que tenho que fazer um planejamento assim!! E esse que você fez, acabou me dando ainda mais ideias para colocar em prática. Achei muito bacana essas dicas <33
    Beijos,
    http://www.dosedeilusao.com

    Camila respondeu:

    Aaaah, que legal, Fran! Muito bom mesmo saber disso
    Coloque em prática mesmo, viu? E saiba que estou torcendo muito para que você consiga tudo que quer (e muito mais)!
    Beijos <3

  • Hey, Camila.
    Meu, esse método do Plano de Ação é sensacional. Lembro que minha Gerente de Projetos usava muito esse método das perguntas. Não tenho certeza, mas parece muito com o método de gerenciamento do Canvas. <3 Muito bacana aplicar isso pros nossos objetivos de curto a longo prazo, também. Confesso que não tinha pensado na hipótese.
    Cara, e tá aí: sempre me amarrei muito em Planejamento, mas não tinha ideia de como era ou por onde começar. Essa série ficou sensacional, Camila. Obrigada por partilhar teu conhecimento, guria. <3

    Camila respondeu:

    Hey, Lóri!
    O Plano de Ação é incrível, parece que torna as coisas possíveis, se posso dizer assim. Fica tudo bem mais claro!

    Canvas é uma ferramenta de Planejamento Estratégico, então ele está um aí sim (guria esperta!)
    Geralmente a gente acha que essas ferramentas não se encaixam no aspecto pessoal, (confesso que eu nunca tinha pensado em Planejamento Estratégico Pessoal antes de ver um exemplo e pensar que seria legal trazer aqui pra vocês) mas a real é que sempre dá, só talvez precise adaptar um pouquinho.

    Obrigada você <3 Espero poder te ver aqui mais vezes!

  • Adorei o post, muito boas as dicas!

    Beijo
    😉
    http://www.umalindapromessa.com/

    Camila respondeu:

    Obrigada, Gessica!

    Beijo :*

  • Adorei as dicas, faça mais porque está demais de bom.
    bjs

    Camila respondeu:

    Obrigada, Carol!

    Estou trabalhando em novos posts, espero que vocês gostem.

    Beijos

  • Fiz isso deeeeeemais na faculdade hahaha
    bjs http://diadebrilho.com

    Camila respondeu:

    Que legal! (ou não, depende se você gostava hahaha)
    Espero que tenha gostado da série!
    Beijos

  • essa série tá demais!! de certa forma me lembra um pouco do GTD, ou tô doida?

    beeeijo

    Camila respondeu:

    Obrigadaaaaaa, Lorraine!
    Olha, vou te confessar uma coisa (e não me orgulho muito disso): eu não conhecia GTD. Oooops!
    Usei as ferramentas do planejamento estratégico. O plano de ação foi basicamente 5W2H (não sei se você conhece, ou tô falando grego hahaha). Mas dei uma pesquisada sobre, e o princípio do GTD é basicamente o mesmo.
    Sei que não era exatamente a intenção, mas obrigada por ter me apresentado ao GTD, quem sabe o utilize nos próximos posts).

  • adorei esses posts de planejamento, ficaram bem completos com muitas informações importantes!

    Camila respondeu:

    Obrigada, Grazi!
    Que bom que você gostou *-*

  • Cah, já tinha gostado do outro post e amei ainda mais esse. Parabéns pelo conteúdo fantástico!

    Vou tentar seguir \o
    Beijos

    http://www.supimpagirl.com.br

    Camila respondeu:

    Muito obrigada, Vi! Fico imensamente feliz que você tenha gostado!
    Faço isso e vem me contar o resultado, ok?
    Beijos

  • Cristiane da Silva Dias

    Começando o meu Camila e lendo as etapas, até rir de algumas situações, seu sentimentos muito parecidos comigo. Adorei.

  • Dara Mesquita

    Comecei a ler seu blog agora Camila e estou adorando cada post!